Esportes

    Clubes acreanos aguardam nova proposta da CBF

    Dos nove times que disputam o Campeonato Acreano de Futebol apenas três, Rio Branco, Galvez e Atlético Acreano, vão receber os R$ 120 mil da Confederação Brasileira de Futebol.

    O dinheiro foi destinado para os clubes que estão nas séries A, B e C do Campeonato Brasileiro de Futebol e para os times femininos que participam das séries A1 e A2.

    O presidente do Galvez, Edener Franco, disse que o recurso será de fundamental importância para os três representantes do Acre no quarta divisão do futebol brasileiro.

    Mas é preciso que a CBF ajude os demais clubes que estão disputando os campeonatos estaduais em todo o país, entre eles Plácido de Castro, Vasco da Gama, Náuas, Andirá, Humaitá e São Francisco.

    Caso contrário, a sequência dessas equipes no estadual poderá estar comprometida. “Temos que lutar para melhorar o futebol acreano. E a ajuda da CBF é primordial nesse momento”, disse Edener.

    O presidente do Imperador é o coordenador, entre os clubes do futebol acreano, do movimento que enviou na semana passada uma carta ao presidente da CBF, Rogério Caboclo, com 200 assinaturas de equipes de várias regiões do Brasil.

    A Confederação Brasileira de Futebol ainda não se posicionou sobre o pedido dos clubes.

    dsc 0460 1 webPresidente do Galvez, Edener Franco, disse que clubes acreanos precisam do apoio da CBF Foto: Cedida

    Image
    Image