PSDB se alia ao PP em apoio à candidatura de Nicolau Júnior à presidência da Aleac

Por Dell Pinheiro – Lideranças do PSDB e do PP formalizaram uma aliança em apoio à candidatura do deputado reeleito Nicolau Júnior (PP) a presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) em 2018. A informação foi divulgada na manhã desta sexta-feira, 14, na sede regional dos tucanos, em Rio Branco. O evento contou com a participação do vice-governador eleito Major Rocha e de lideranças das duas agremiações.

Evento contou com a participação do vice-governador eleito Major Rocha e de lideranças das duas agremiações – Foto: Regiclay Saady

“O deputado Nicolau e eu tivemos uma conversa esses dias sobre essa decisão. Ainda faltam 45 dias para a escolha do presidente do Legislativo. Nesse momento, estamos vendo todo processo de transição do governo, mas não invalida nenhum processo de diálogo e de discussão sobre o tema. Acho que essa é a arte da política. Também recebemos a visita do deputado Gerlen Diniz, que colocou seu nome à disposição para a função. Queremos dialogar com todos os partidos”, salientou Correinha, presidente estadual do PSDB.

Rocha fez questão de enfatizar a união política e ideológica das duas agremiações, além de falar sobre o apoio irrestrito a Nicolau Junior.  “Essa parceria com o PP é de muito tempo e nos rendeu bons frutos. Foi com a agremiação que conseguimos ganhar o governo do Estado. Isso tudo se consolida no processo de escolha do novo presidente da Aleac. O PSDB abriu espaço para todos os candidatos, mas manifestamos nosso apoio à candidatura do futuro presidente do Legislativo, que é o deputado Nicolau Junior. Esse é um projeto novo de governo e que precisa contar com o apoio do Legislativo. Vamos estar juntos para consolidar essa vitória”.

Nicolau Junior falou sobre a sua candidatura e disse que todos devem estar unidos para ajudar no desenvolvimento do Estado. “Temos que mudar e temos que estar preparados para isso. Nossa união é muito importante. O povo do Acre é que vai ganhar com nossa escolha. Queremos trabalhar por uma casa legislativa forte, pronta para trabalhar pelo Estado. É com humildade que chegaremos lá. Sou humildade o suficiente para reconhecer que preciso da ajuda de todos, principalmente para a construção de uma chapa plural. O que queremos é ajudar o governo”, frisou o parlamentar.