Política

Política

Em Tarauacá, Gladson inspeciona obras e anuncia colégio militar

O governador do Estado do Acre, Gladson Cameli, visitou as obras da escola do km 17, em Tarauacá, na tarde deste domingo, 29, acompanhado da prefeita Marilete Vitorino e de secretários de estado e do município.

Na pauta, a criação do colégio militar no município, distante 440 quilômetros de Rio Branco.

“O que eu quero para o meu filho, quero também para os filhos de vocês. E sem desmerecer a escola tradicional, igualmente importante para nossas crianças, a fundação do colégio militar de Tarauacá só engrandece a comunidade e atende aos anseios das crianças e adolescentes que, eventualmente, têm o sonho da carreira policial”, destacou o governador para a comunidade local.

Segundo a Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Cultura, SEE, ainda não está definido se a nova escola será instalada no km 17 da BR-364, no sentido Tarauacá-Rio Branco, tornando-se no primeiro colégio militar da zona rural do Acre, ou se funcionará em escola da área urbana do município.

A escola do km 17 é da prefeitura, está inacabada, ainda não tem um nome oficial, mas quando for concluída terá capacidade para atender ao menos 500 crianças e adolescentes do ensino fundamental.

“Estamos em estudo sobre o local. Mas o certo é que [o colégio militar] será um presente para a população de Tarauacá, seja ele administrado pela Polícia Militar, seja pelo Corpo de Bombeiros, aqui ou lá na cidade”, afirma o secretário titular da SEE, Mauro Sérgio da Cruz.

Ele entende que mais esta unidade de ensino contribui para consolidar no Vale do Envira o trabalho inovador do governo Gladson Cameli em todo o estado, por meio dos colégios militares.

“E contemplando também as famílias da área rural do estado, se esse for o melhor entendimento depois da análise de viabilidade”, pontua o secretário.

Conforme a prefeita Marilete Vitorino, as obras da instituição, tocadas com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, o FNDE, a um custo de R$ 3 milhões, devem estar prontas até o final de dezembro próximo.

“Estamos muito agradecidos pela iniciativa do Governo do Estado, que sem dúvidas, é também uma forma de ganhar crianças para a cidadania, retirando-as da situação de risco de aliciamento pelo crime”, frisa a chefe do Executivo municipal.

Participaram também da inspeção, o secretário de Estado de Articulação Política, Alysson Bestene, o secretário de Educação de Tarauacá, Orlando Bezerra, além de técnicos do município e do estado nas áreas da Educação e da Infraestrutura.


gow banner p20