Política

Política

Vereador pede que RBTrans organize embarque e desembarque no Terminal Urbano

O vereador João Marcos Luz (MDB) usou a tribuna da Câmara Municipal nesta quinta-feira,19 de setembro, para solicitar à RBTRANS que resolva urgentemente a organização do Terminal Urbano de Rio Branco.

O emedebista demonstrou preocupação com a situação atual e alertou a autarquia sobre a possibilidade de ocorrer novos acidentes devido ao tumulto diário principalmente na área de desembarque.

"Vim aqui trazer mais uma reclamação sobre a ineficiência nos serviços prestados pela Prefeitura. Desta vez vou falar sobre um dos diversos problemas do transporte coletivo de Rio Branco. Hoje, um dos maiores problemas, é a desorganização que ocorre no Terminal Urbano no embarque e desembarque de usuários. Acabei de ligar para o presidente do Sindcol, e ele me informou que quase 100 mil pessoas passam diariamente pelo local. Estas pessoas estão correndo riscos de acidentes fatais. Já tiveram casos de pessoas que morreram porque caíram da plataforma, e o ônibus atropelou. A grande quantidade de pessoas que está embarcando na área de desembarque vem causando um tumulto generalizado. Ali virou uma guerra. Aonde está a RBTRANS? O que a RBTRANS está fazendo? Será que o Poder Público Municipal não pode fazer uma simples organização no maior terminal da cidade?", questionou.

Luz afirmou que vem recebendo denúncias sobre o problema e, desta forma, decidiu explanar logo no Plenário antes de formalizar pela gravidade do problema e por não estar sendo atendido pela Prefeitura e seus órgãos. Para o vereador, os ofícios estão sendo descartados.

"Como o Poder Público Municipal é ineficiente a situação está piorando cada vez mais. O meu receio é acontecer novamente um acidente que pode tirar uma vida. Vou formalizar ao superintendente, mas decidi alertar logo no Plenário pelo problema ser grave. Infelizmente parece que deve ter um saco de lixo para jogar os ofícios, requerimentos e indicações dos vereadores lá dentro. Espero que resolvam a questão da falta de organização porque a situação é grave. Não pode permitir essa guerra entre os cidadãos. É um direito de cada cidadão ir e vir", disse.

A Operação Verão também vem gerando insatisfação do vereador João Marcos Luz com a Prefeitura.

"Quero ser solidário ao cidadão de Rio Branco que sofre cotidianamente com a ausência do Poder Público. Esta Operação Verão é uma tartaruga, um jabuti. O povo que não vive o dia-a-dia da política ainda tem expectativa. Vou ser realista: não tem Operação Verão. Estão passando um pano para lá e para cá em Rio Branco. Os bairros, as ruas, continuam com buracos. Sabe aquela dona de casa relaxada que passa o pano de qualquer jeito, é o que a Prefeitura vem fazendo com a cidade. Esta é a realidade, infelizmente", concluiu.


gow banner p20