Cultura

Cultura

Povo Yawanawá celebra renascimento espiritual durante o festival Mariri

Com cânticos, danças e muita celebração, o povo Yawanawá celebrou a abertura do festival Mariri

neste último fim de semana, na Aldeia que fica às margens do rio Gregório, em Tarauacá, no interior do Acre. O tema deste ano é o renascimento cultural e espiritual.

“Mairiri representa o renascimento cultural espiritual, quando o povo se reúne por uma semana para celebrar a vida, os espíritos da floresta”, explica Joaquim Taska, coordenador geral dos festivais Yawa.

Exposição da cultura, a recepção aos turistas que viajam de várias partes do país e até do exterior, movimentam a semana de festival que deve encerrar nesta quarta-feira (21). O festival é um dos mais tradicionais do estado e ocorre desde 2013.

Durante o festival, os turistas têm acesso ao chá ayahuasca, usam rapé de tabaco e a vacina do sapo. Além disso, podem apreciar os rituais que fazem parte da tradição dos povos indígenas, apreciam as comidas típicas e artesanatos.

amazonia 2Festividade tem como objetivo mostrar a união e a religiosidade deste povo, através da alegria, manifestação da arte local - Fotos: Jardy Lopes - Arquivo pessoal

“É um evento que reúne gente do mundo todo, então você acreano do pé rachado que quer conhecer o povo da sua terra e se orgulhar da sua própria cultura, venha um dia participar do Mariri Yawanawá. Você nunca mais vai voltar do como você veio”, diz Taska sobre o festival.

A festividade tem como objetivo mostrar a união e a religiosidade deste povo, através da alegria, manifestação da arte local.

Portal G1/AC


gow banner p20