Cidade

Cidade

Palestras reforçam compromisso de garantir a proteção das crianças e adolescentes

O Tribunal de Justiça do Estado do Acre, por meio da Coordenadoria da Infância e Juventude realizou três palestras do programa ECA na Comunidade, neste mês de setembro.

As atividades têm o objetivo de garantir a proteção das crianças e adolescentes, levando esclarecimentos sobre situações que ocorrem na escola e precisam de atenção do Poder Judiciário e da Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente.

A pedagoga da 2ª Vara da Infância e Juventude de Rio Branco, Alessandra Pinheiro, assinala que a difusão do Estatuto da Criança e do Adolescente entre pais, professores, alunos e equipe pedagógica colabora na desconstrução de alguns mitos. “Em algumas famílias existe dificuldade de exercer autoridade sobre os filhos e muitas vezes estão relacionadas a equívocos sobre a forma de educar”, explica.

Contudo, os coordenadores de unidades escolares têm relatado a dificuldades de consolidar a participação dos pais na vida escolar dos filhos, por isso o tema também é levado a esse público. Já para a equipe pedagógica estão sendo apresentadas orientações para prevenir a violência e assédio sexual, pois são “encaminhamentos necessários para as equipes saberem enfrentar os possíveis problemas que podem envolver a vida de um discente”, apontou a pedagoga.

Na Escola Estadual Armando Nogueira o diálogo foi com os pais dos alunos. O promotor de Justiça, Francisco Maia Guedes, conversou com 40 responsáveis sobre a importância das regras e limites na educação das crianças e adolescentes.

Na última semana, a ação ocorreu na Escola Estadual Lourival Sombra e o foco foi sobre o bullying. A palestra foi realizada para estudantes do 8º e 9º ano e reuniu mais de 100 alunos. Nesta quarta-feira, 25, o diálogo será com o público estudantil, na Escola Estadual Frei Heitor Maria Turrini, localizada na Cidade do Povo.

O projeto Eca na Comunidade é um projeto é executado desde 2011 e em 2019, dez escolas já foram atendidas, mobilizando mais de mil pessoas das comunidades escolares.


gow banner p20