Cidade

    Moda country deve aquecer comércio da capital com o início da Expoacre

    A poucos dias do início da 46º edição da Expoacre, maior feira de negócios e entretenimento do Estado, comerciantes

    de Rio Branco, especificamente do segmento de moda country, já se preparam para aumentar os lucros. Neste período, as lojas do setor atraem muitas pessoas que querem mudar o estilo de vestir, tendo no chapéu, nas botas e nos cintos, a principal referência de moda.

    “As vendas ficarão melhor na semana que antecede à exposição. Essa é a época que faturamos mais com a venda de confecções, calçados e acessórios, atraindo, principalmente, as mulheres. Temos nossa clientela, que sempre compra com a gente, mas quando chega o mês da Expoacre, aumenta o fluxo de pessoas na loja”, ressaltou o vendedor Luiz Gustavo Silva.

    geral 6Lojas do segmento atraem muitas pessoas neste período, tendo no chapéu, nas botas e nos cintos, a principal referência de moda - Fotos: Regiclay Saady

    geral 7

    Ele também comentou que a expectativa de lucro será bem maior do que no ano passado. “Em decorrência do pagamento adiantado do salário dos servidores públicos, da volta da tradicional Cavalgada e dos nove dias do evento, acredito que o lucro será bem melhor do que em 2018. Vamos testar o termômetro de boas vendas na próxima semana, mas, pelo que estou vendo, o faturamento será certo”.

    Image
    Image