Em nota, prefeitura nega exclusão de alunos autistas do Atendimento Educacional Especializado

A Prefeitura de Rio Branco esclarece que é falsa a informação que circula nas redes sociais e sites de notícias de que o município adotou medidas que excluem alunos com autismo do Atendimento Educacional Especializado (AEE) da rede municipal de ensino.

Nos últimos anos, a Prefeitura tem realizado um esforço grande para atender e favorecer a inclusão de mais alunos com deficiência. O modelo adotado pela capital acreana não encontra paralelo em nenhuma outra rede de ensino público ou privado em todo o estado e país. O que demonstra o compromisso e a prioridade com que a gestão municipal trata a inclusão.

Em 2013, quando teve início o fortalecimento da Educação Especial na rede municipal de ensino, foram envolvidos 123 profissionais capacitados e aptos para este atendimento. Para o ano letivo de 2019, o município conta com 432 profissionais.

A prefeita Socorro Neri fez importantes reajustes na administração da cidade, com a redução de cargos em comissão e secretarias com o objetivo de otimizar recursos e garantir o compromisso com as necessidades da população, entre elas a Educação.

Nenhuma criança com deficiência ficará sem atendimento especializado no município de Rio Branco, seja com a presença de mediadores, cuidadores ou profissionais do AEE.

Rio Branco, Acre – 15 de Abril de 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *