SENAI firma parceria com Ministério Público do Trabalho

Com projeto “Se a vida ensina, eu sou aprendiz”, jovens em situação de vulnerabilidade terão oportunidade de qualificação profissional

Jovens do Sistema Socioeducativo do Estado do Acre, bem como adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social, vítimas de trabalho infantil e análogo à escravidão serão beneficiados pelo projeto “Se a vida ensina, eu sou aprendiz”. O SENAI assinou um termo de cooperação técnica com o Ministério Público do Trabalho, durante reunião com o procurador do Trabalho, Anderson Luiz Corrêa da Silva, na manhã da última segunda-feira, 10 de setembro, com vistas a qualificar e desenvolver pessoal e profissionalmente este público em específico.

De acordo com a gerente de educação profissional, Geane Reis de Farias, o termo foi assinado também entre vários órgãos, como Tribunal de Justiça do Acre, Ministério Público do Acre, Prefeitura de Rio Branco, Instituto Socioeducativo (ISE), demais instituições do Sistema S, entre outros. “A reunião com o procurador teve o objetivo de alinhar informações para o lançamento do Edital da Aprendizagem 2019 inserindo as vagas destinadas ao atendimento do acordo”, explica. Ao todo, serão ofertadas vagas em 12 cursos de Aprendizagem do SENAI para o ano de 2019, cujo edital será lançado em novembro.

Ascom Fieac