PT-AC anuncia comitê de defesa de Lula e marca ato para acompanhar julgamento

Direção estadual do PT organizou uma agenda de lançamento dos comitês populares – Foto: Da Assessoria

A direção estadual do Partido dos Trabalhadores do estado do Acre, reunida na quarta feira (10), deliberou sobre a agenda estratégica de defesa da democracia e do direito de lançar o ex-presidente Lula como seu candidato à presidência em 2018.

No dia 24 de janeiro todos os brasileiros estarão de olho no processo em trânsito no TRF4, em Florianópolis, que julgará, em segunda instância, o ex-presidente. Tal julgamento, eivado de pormenores políticos, representa a primeira grande batalha popular na corrida eleitoral à presidência da república em 2018.

Por todo Brasil estão sendo organizados manifestos e lançamentos de comitês populares em defesa da democracia e pelo direito de candidatura do ex-presidente Lula, líder nas pesquisas de intenção de voto e principal nome apresentado pelo campo progressista e popular. No Acre a direção estadual do PT organizou uma agenda de lançamento dos comitês populares, que inicia no dia 15 em Rio Branco, e um grande ato no dia 24, data marcada para o júri.

Cesário Braga, secretário de organização do PT, falou da importância deste ato. “Presenciamos um triste momento para a democracia. Uma caçada implacável e injustificável, ou justificada pelo medo, com objetivo de impedir que o maior expoente da política brasileira seja candidato a presidente. Pergunto, se o PT fez tão mal para o Brasil, como dizem os adversários políticos, qual o óbice em ter Lula como candidato e permitir que as urnas demostrarem tal tese? Lula foi o melhor presidente da história do Brasil, eu sei disso e o povo também sabe, caso candidato é praticamente certo que se elegerá presidente. Eles sabem disso, por isso tentam vetar a entrada de Lula no processo democrático a qualquer custo.”

O segundo vice-presidente estadual da sigla, Eugenio Pacelli, diz que no Acre serão inaugurados cinco comitês populares em defesa da democracia e da vontade popular de ter Lula como candidato a presidente, um em cada regional do Acre. “Os movimentos populares, comunitários e o povo querem Lula no processo democrático de 2018, os comitês são a expressão plena desse desejo”, afirmou o vice-presidente.

O primeiro comitê será inaugurado em Rio Branco, no dia 15 de janeiro às 17 horas, na sede do Diretório Regional, localizada na rua Equador, próximo a quadra do Habitasa. O ato do dia 24 de janeiro está marcado para as 8 horas na Praça da Revolução.

Da Assessoria