Ministério da Reconciliação (parte I)

“Quando você entender que Deus te deu o ministério da reconciliação, isto certamente fará com que você reavalie aquilo que você tem ministrado para os outros”.

Desta forma se algum homem estiver em Cristo, ele é uma nova criatura: as coisas velhas já se passaram; Eis que tudo se fez novo. E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo, e nos deu O MINISTÉRIO DA RECONCILIAÇÃO – 2 Coríntios 5.17,18

O Senhor Jesus Cristo deu uma Grande Comissão para ir a todo o mundo e pregar o evangelho a toda criatura (Marcos 16.15).

Mas o comando para pregar o evangelho ou as boas novas não é apenas algo que Jesus ordenou aos discípulos da Sua época. É uma comissão que é dada para todo crente através do Novo Nascimento, desde o tempo em que ele se torna nova criatura em Cristo.

Segundo Coríntios 5.17: “… se alguém está EM CRISTO, nova criatura é…” Esse texto está falando sobre o seu espírito ou o seu “homem interior”.

Veja, quando você está em Cristo, seu espírito é vivificado em Deus, e a sua natureza pecaminosa se foi. Todas as coisas se tornam novas, onde? No seu homem interior.

Depois no verso 18 fala, “E tudo isto provém de Deus…”.

No início deste versículo há algo que pode se tornar em um pequeno engano se você tirá-lo do contexto. Por exemplo, uma vez eu ouvi um pregador famoso dizer, “Deus fez todas as coisas, e Ele fez todas as coisas boas. Portanto todas as coisas são de Deus”.  (Bem, para início de conversa Deus fez todas as coisas boas na criação. Mas este homem falhou em dizer que o diabo veio e destruiu a situação!)

Aconteceu que este homem começou a viver em pecado com várias mulheres, e ele foi pelo mundo pregando, “Tudo é de Deus; todas as coisas são boas aos olhos dEle”. Mas o seu estilo de vida não poderia estar sendo bom aos olhos de Deus, porque a Palavra de Deus ensina que o adultério e a fornicação são errados (I Coríntios 6.9)! Não, aquele homem estava sendo enganado (I Timóteo. 4.1).

Então apenas dizer “Todas as coisas provém de Deus” é um engano, porque todas as coisas no mundo de hoje não são de Deus.

Em outra versão de II Coríntios 5.18 diz desta forma: “E Todas estas coisas são de Deus.” Então, a que coisas isto está se referindo? A mesma coisa que Paulo estava dizendo no versículo 17. Coisas que dizem respeito a nova criatura. Em outras palavras, todas as coisas velhas que já passaram e que tudo se fez novo – todas estas coisas provêm de Deus!

Agora vamos terminar lendo o resto do versículo 18.

II Coríntios 5.18 – 18 E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo, e nos deu O MINISTÉRIO DA RECONCILIAÇÃO;

Mesmo que você não saiba, se você é nascido de novo, você está no ministério! Claro que não são todos que são chamados para os cinco dons ministeriais listados em Efésios 4.11. Mas todo Cristão tem seu ministério, de certa forma, porque a ele foi dado um ministério. Que ministério é este? O ministério da Reconciliação.

Agora eu quero que você veja algo mais em II Coríntios 5.18. Note que não diz que Deus nos deu um ministério de “condenação.” Não, diz “reconciliação”. Nós não estamos no ministério de condenação; nós estamos no ministério dareconciliação!

Bem, o que Paulo quis dizer com o ministério da reconciliação? Vamos continuar lendo e descobrir.

II Coríntios 5.19 – Isto é [significado, isto é o que o ministério de reconciliação é], que DEUS ESTAVA EM CRISTO RECONCILIANDO CONSIGO O MUNDO, NÃO LHES IMPUTANDO OS SEUS PECADOS; e pôs em nós a palavra da reconciliação

Aqui está a mensagem do ministério da reconciliação: Deus estava em Cristo, reconciliando consigo o mundo.

Veja, tem pessoas neste mundo de hoje que não sabem que eles foram reconciliados com Deus. Eles pensam que Deus está bravo com eles ou que Deus está atrás deles para puni-los. A maioria deles já ouviu a mensagem da condenação sendo pregada ao invés da mensagem da reconciliação. Por isso, eles pensam que Deus está sentado nos céus com um grande cajado nas mãos, preparado para puni-los por causa dos seus pecados, dizendo, “Eu vou te pegar”.

Mas Segundo Coríntios 5.19 diz que Deus não está imputando as transgressões deles.

Agora “imputando” é um termo de contabilidade. A Bíblia Amplificada dá um pouco mais de luz no significado deste termo quando diz, “não está levando em conta”.

II Coríntios 5.19 (Bíblia Amplificada) – Isto é, Deus [presente pessoalmente] em Cristo reconciliando e restaurando o mundo em favor consigo, NÃO LEVANDO EM CONTA e segurando contra [os homens] suas transgressões [mas cancelando-as] e dando a nós a mensagem da reconciliação (da restauração para favorecer).

Alguém pode dizer, “Se Deus não levar em consideração o pecado das pessoas então significa que todos serão salvos.” Não, as pessoas precisam nascer de novo pela fé no sangue de Jesus Cristo para serem salvas.

Veja, mesmo que Deus tenha resolvido o problema do pecado, quando Jesus tirou o pecado pelo seu sacrifício (II Coríntios 5.21, Hebreus 9.26), ainda sim existe um problema com o pecador. E o caminho para solucionar este problema é pecador ter que receber Jesus pela fé!

As pessoas precisam saber que Deus não está levando em conta e segurando suas transgressões contra elas. Ele as cancelou!

Esta é a mensagem que Deus quer que falemos para o mundo – a mensagem da reconciliação ou restauração de favor com Deus (II Coríntios 5.19 Amplificada).

Eu penso que às vezes nós temos sido como os fariseus nos dia de Jesus, pois temos tantas ideias religiosas sobre como Deus vê o mundo. Mas nós devemos apenas ler as epístolas de Paulo e crer na revelação que Deus deu ao Apóstolo Paulo.

Continua…

Rev Kenneth Hagin