Governo entregará Complexo do Into até setembro

Obras estão orçadas em mais de R$ 80 milhões e tornarão o Acre centro de referência para ortopedia e otorrinolaringologia – Foto: Cedida

Na manhã desta quarta-feira, 11, o governador Tião Viana visitou as obras do Complexo do Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into), que serão entregues em setembro deste ano. Além do Centro de Diagnóstico por Imagem, já em funcionamento, o Complexo terá o Centro Especializado em Reabilitação (CER III) e o Lago do Amor para tratamentos de recuperação de pacientes neurológicos e ortopédicos.

As obras estão orçadas em mais de R$ 80 milhões e tornarão o Acre centro de referência para ortopedia e otorrinolaringologia. O CER III abrigará tratamentos especializados de reabilitação para quatro modalidades: visual, auditiva, física e intelectual, realizando atendimento e acompanhamento necessários para que pacientes de todas as idades alcancem uma melhor qualidade de vida.

“Este é o momento de esperança para a saúde pública. Estamos constituindo o grande centro de referência da Amazônia em cirurgias avançadas, como ortopédicas e de trauma, com unidade de reabilitação de alta qualidade. Além de um centro de reabilitação de traumas do ouvido e de doenças da visão. Isso significa uma nova etapa e um novo salto da medicina do Acre”, afirmou o governador.

O Into já tem parte de suas instalações funcionando desde 2015 e oferta à população exames de Tomografia Computadorizada, Ressonância Nuclear Magnética, Radiografia Digital e Ultrassonografia.

Junto do CER e do Lago, constituirá um complexo moderno, como explica Rui Arruda, secretário de Saúde: “Nós estamos preparando um complexo que é fundamental para a saúde do estado. Nós temos diversos serviços espalhados pela cidade, e aqui vamos concentrar em um local onde os cidadãos poderão vir e se servir do melhor atendimento. O serviço tem que se apresentar para a população, e não ela caminhar em busca até o atendimento”.

As obras das unidades foram retomadas após fim de entraves burocráticos e estarão prontas para entrega ao público no fim de setembro deste ano, conforme explica Átila Pinheiro, secretário de Obras: “Nós estamos avançando nas obras e até setembro entregamos as primordiais do complexo, como a reabilitação do Into. Juntamente, entregamos por completo o Lago do Amor, que será usado nos tratamentos de reabilitação também e o CER III”.

Além destas obras, o governo se prepara para entregar em 40 dias, 10 novas Unidades de Tratamento Intensivo (UTI), do processo de verticalização do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb). O governo também está concluindo parte das obras do Hospital Regional de Brasileia.

Da Redação