Ginásio suspende atividades após furto de rede de encanação em Cruzeiro do Sul

Encanação do ginásio Jader Machado, em Cruzeiro do Sul, já havia sido roubada há menos de um mês e falta de água prejudicará o calendário esportivo do município – Foto: Adelcimar Carvalho/arquivo pessoal

Há cerca de dois meses sem vigias, o ginásio Jader Machado, na cidade de Cruzeiro do sul, a 648 km de Rio Branco, no interior do Acre, teve a rede de encanação hidráulica roubada pela segunda vez, em menos de um mês, e a coordenação decidiu suspender atividades.

Segundo a coordenadora de esportes, Janete Lopes, os roubos começaram a partir da retirada dos vigias que prestavam serviços no local.

– Essa é a segunda vez que isso acontece. Principalmente nos finais de semana, quando não temos ninguém no ginásio. Estamos com um problema sério. Sem a encanação prejudica todas as atividades do espaço. Roubaram a primeira vez, recuperamos, mas infelizmente neste final de semana ocorreu novamente. Decidimos conversar com o pessoal que faz uso do ginásio, os presidentes das ligas, para reagendar nossas atividades. Não temos como ficar nessa situação que estamos – conta.

O coordenador regional de educação, Charles André, que administra o ginásio, diz que três vigias devem ser lotados no local nos próximos 10 dias. Janete Lopes cita possíveis soluções para o problema.

– Fomos obrigados a colocar todos os vigias nos portões de escolas por conta de uma decisão judicial. Mas estamos tentando resolver essa pendência no ginásio nos próximos 10 dias. Estamos instalando monitoramento de vídeo na escola Anselmo Maia e vamos remanejar três vigias para o ginásio. Orientamos a coordenação de esportes a suspender as atividades até que se providencie vigias para o ginásio coberto – completa.

O presidente da Liga Cruzeirense de Futsal (LCFS), Ralid Mourão, lamenta a situação e espera providências.

– Nossa Liga está em plena atividade, temos competições para realizar durante todo ano. Neste período do ano já enfrentamos problemas e temos que suspender alguns jogos devido a questão climática, pois quando chove com vento a água invade o ginásio. Tem a falta de vigia para dar suporte no ginásio. Atualmente, estamos realizando uma copa com representantes de quatro cidades e quem vai ser prejudicado são os praticantes do futsal e das outras modalidades esportivas que usam o ginásio para suas atividades. Não sei como vamos fazer para darmos sequência em nosso calendário – diz.

O ginásio Jader Machado é usado pelas ligas de voleibol, futsal, handebol, basquete, entidades públicas e privadas, sendo o único espaço esportivo com condições para a realização de eventos noturnos em Cruzeiro do Sul.

Globoesporte.com/ac