Em parceria com o governo do Estado, SENAI qualifica 368 moradores da Cidade do Povo

Entrega de certificados foi realizada durante solenidade na manhã de ontem, no Centro de Educação Campos Pereira

Mais de 360 certificados foram entregues aos concludentes dos cursos de qualificação. Foto: Assessoria FIEAC

“Eu aprendi mesmo. Nunca saia das aulas com dúvida. Antes de começar o curso, algumas pessoas falavam que o ramo de mestre de obras era só para homem. Mas me identifiquei e consegui concluir. Isso prova que, independentemente de ser homem ou mulher, podemos, sim, desenvolver uma atividade que almejamos. E é nesse segmento que pretendo atuar”.

A declaração é de Jaqueline Modesto, moradora da Cidade do Povo, em Rio Branco. Ela foi uma das 368 pessoas que receberam na manhã desta segunda-feira, 13, no Centro de Educação Campos Pereira, certificados dos cursos de qualificação que estão sendo ofertados gratuitamente à comunidade por meio de uma parceria entre o SENAI e o governo do Estado, através da Secretaria de Habitação (Sehab).

Quem também esbanjava felicidade na solenidade era Carla Andréia. Auxiliar de cozinha, ela concluiu cinco dos cursos oferecidos pelo SENAI. “Participei das turmas de Salgadeiro, Pães e Massas, Bolos e Tortas, Pizzaiolo e Confeiteiro. Agora estou mais preparada para desempenhar minha profissão. Só temos a agradecer ao governo do Estado e ao SENAI por investirem e acreditarem na nossa comunidade”, festejou Andréia.

Presente à solenidade, a presidente em exercício da Federação das Indústrias do Acre (FIEAC), Adelaide de Fátima, enalteceu a importância de a iniciativa ter resultado na qualificação de centenas de pessoas. “Essa parceria que envolve SENAI, prefeitura de Rio Branco e governo do Estado, por meio de seus órgãos, mostra o compromisso que temos em preparar os cidadãos para atuar no mercado de trabalho, sobretudo nas indústrias, considerando que um dos grandes problemas hoje do empreendedor é contratar pessoas sem qualificação. Por isso só temos a celebrar essa conquista que beneficia a todos”, ressaltou.

Já a secretária de Habitação do Estado, Janaina Guedes, diz que, além da capacitação profissional, os cursos também contribuem para que os moradores possam estreitar os laços de amizade com seus vizinhos. A gestora explicou, ainda, que a iniciativa faz parte de um trabalho social que o governo do Acre já realiza há mais de dois anos na Cidade do Povo e vem justamente para atender uma política do programa Minha Casa, Minha Vida, que impõe que cada loteamento habitacional entregue precisa também ser atendido com trabalho de pós-ocupação.

“São cursos que podem estar facilitando a vida de futuros empreendedores. Sabemos que o SENAI e todo o Sistema S têm trabalho reconhecido nacionalmente. Foi justamente por termos conhecimento dessa qualidade que optamos por contratar essa instituição. Nosso propósito é ajudar a melhorar a qualidade de vida das pessoas que vivem na Cidade do Povo”, salientou Guedes.

“São cursos que podem estar facilitando a vida de futuros empreendedores. Sabemos que o SENAI e todo o Sistema S têm trabalho reconhecido nacionalmente”, ressaltou a secretária Janaina Guedes. Foto: Assessoria FIEAC

Mais de 1,5 mil moradores devem ser qualificados até o fim do ano

Segundo o diretor-regional do SENAI, César Dotto, o contrato com o Estado prevê o atendimento de mais de 1,5 mil pessoas, que serão divididas em 78 turmas, de diferentes cursos em áreas como construção civil, mecânica e alimentos. As aulas, que foram iniciadas há mais de três meses, seguem até o fim do ano.

“Isso só é possível graças a essa grande parceria, que envolve prefeitura e governo, com seus importantes órgãos como Sehab e Instituto Dom Moacyr. O SENAI trouxe para Cidade do Povo o que temos de melhor em instrutores, equipe técnica e infraestrutura de nossas escolas móveis. O que nos deixa ainda mais felizes é que as áreas de qualificação que estamos ofertando são as que realmente geram oportunidade de imediato. Portanto, temos muito o que comemorar”, frisou Dotto.

Assessoria Sistema FIEAC