Câmara aprova projeto de lei que incentiva a doação de medula óssea

De autoria do vereador Jakson Ramos o projeto incentiva a doação de medula óssea e garante benefícios à doadores

Na manhã desta quarta-feira (6), foi aprovado por unanimidade durante sessão ordinária na Câmara Municipal de Rio Branco, o projeto de lei nº74/2017, que incentiva e isenta doadores voluntários medula óssea, do pagamento de taxa de inscrição de concursos públicos, promovidos pelo município.

A meta segundo o vereador e primeiro-secretário Câmara Municipal de Rio Branco Jakson Ramos, é aumentar os índices de doadores voluntários de medula no Estado. “O Acre, é o último Estado da federação, com o menor número de doadores voluntários de medula óssea. Com esse projeto aprovado pela câmara de vereadores, nós esperamos que o número de doadores voluntários de medula óssea aumente, e que possamos colocar o Acre, em uma melhor posição ajudando assim, a salvar vidas” ressaltou o vereador.

O projeto de lei isenta doadores de medula óssea do município de Rio Branco, do pagamento de taxas de inscrição, em concursos públicos municipais. “Esse projeto, isenta um doador voluntário de medula óssea, do pagamento de taxas de inscrição de qualquer concurso realizado dentro da esfera Municipal, inclusive concursos da câmara municipal”, destacou Jakson Ramos.

Assessoria parlamentar