Assinada ordem de serviço para construção da sala que vai abrigar equipamento de radioterapia

Assinatura contou com a presença de representantes do Ministério da Saúde, Sesacre, Casa Civil e direção da Unacon – Fotos: Júnior Aguiar

O governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde (Sesacre), realizou ontem a assinatura da ordem de serviço para a construção da sala especial que receberá o Acelerador Linear, equipamento já adquirido pelo Ministério da Saúde que vai oferecer tratamento de radioterapia aos pacientes da Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) do Acre.

Aproveitando o período de estiagem, as obras devem seguir a todo vapor para no máximo, em seis meses, serem concluídas. Atendendo aos parâmetros de segurança, a instalação do equipamento exige um espaço físico com características peculiares uma vez que envolve, por exemplo, sistemas de climatização específicos, cabeamento, sistema elétrico e espessura das paredes para radioproteção.

A assinatura contou com a presença de representantes do Ministério da Saúde, Sesacre, Casa Civil e direção da Unacon. O custo estimado para a construção da sala especial com blindagem para radiação é superior aos R$ 2 milhões. As paredes terão aproximadamente um metro e meio de espessura de puro concreto e ferro.

O oncologista responsável pelo setor de radioterapia da Unacon, Miguel Guizzardi, explica que o equipamento de alta tecnologia, usado no tratamento para o câncer, vai permitir triplicar o número de atendimentos por dia.

Empresa começa obra nos próximos dias e deve finalizar até janeiro do ano que vem

“Esse equipamento vai ampliar a nossa capacidade instalada. Atualmente, a gente trata 44 pacientes, e só com a implantação do acelerador linear, podemos incluir mais 80 pacientes/dia. Isso em termos de assistência é uma abrangência muito grande. Estamos dando um salto de qualidade, adquirindo um equipamento de alta tecnologia, com cinco aspectos de tratamento diferente que podem ser utilizados, permitindo também, a incorporação de novas tecnologias que vão favorecer a qualidade da assistência”, destaca Guizzardi.

A empresa que venceu a licitação deve iniciar a obra – uma sala de 110 metros quadrados – já nos próximos dias.

Segundo dados da Unacon, por mês são, em média, descobertos 40 novos casos de câncer no Acre.

O secretário adjunto de Atenção à Saúde, Ráicri Barros, enfatiza o empenho e o comprometimento do governo em desenvolver ações que beneficiem a população e fortaleçam a luta contra o câncer no Acre. “ Estamos investindo e avançando em tecnologia, implantando um equipamento moderno no setor de radiologia que vai possibilitar atendimento de um maior número de pessoas, com qualidade e redução no tempo de atendimento”.

A previsão é de que a construção da sala seja concluída e o Acelerador Linear comece a realizar o tratamento de radioterapia no início de 2018.

Agência Notícias do Acre