“Para ser expulso do PSDB, basta não roubar”, diz Arthur Virgílio

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, afirmou a Diego Amorim, de O Antagonista, que não seria surpresa se fosse expulso do PSDB após ter desistido de disputar as prévias com Geraldo Alckmin:

“Já não duvido de nada nesse partido. Para ser expulso do PSDB, basta não roubar.”

Arthur ainda disse que o PSDB “virou uma massa sem vontade definida”.

“[O PSDB] não tem juventude, não tem militância, não tem contato com o povo. Virou um partido extremamente fraco, desligado da realidade. Uma coisa é você estar desgastado, outra — que é o caso — é não saber sequer que está desgastado.”

Reprodução/Internet

 

O Antagonista