Palavras de gratidão

Foto: Cedida

Por Valdeci Duarte (*)

A Sociedade Literária Acreana – SLA finaliza o período de 25 a 30 de outubro de 2018, agradecendo ao atual governador, Tião Viana, pela acolhida do mestre Francisco Gregório Filho (acreano, nascido no bairro da Capoeira, em Rio Branco/AC), que tem gerado expressiva contribuição para a cultura do livro e da leitura no Brasil, a partir do seu atual domicílio, o Rio de Janeiro/RJ.

A SLA agradece também ao governador eleito Gladson Cameli pela receptividade e a intenção no sentido de incluir a cultura/literatura na pauta dos demais interesses do Acre, dando voz e vez aos artistas sem nome que têm vivido à margem do orçamento público estadual.

A Associação agradece também ao mestre Gregório Filho por aceitar o convite e presentear os amantes da boa leitura, da boa literatura, com seu retorno ao Estado, com o indispensável apoio da Fundação Elias Mansour, por meio de sua Presidente, a Sra. Karla Martins e da Secretaria de Educação, por intermédio do Secretário, Sr. Marco Antônio Brandão.

A mais recente produção do grupo é a antologia Além das Palavras, organizada com a participação de 24 autores acreanos da referida associação artística, sendo que mais da metade deles, são autores que não têm livros, representando um significativo incentivo à produção local. A obra foi prefaciada pelo mestre Francisco Gregório Filho e teve seu lançamento no dia 18 de outubro de 2018, no SESC centro, com boa acolhida da sociedade local e nenhum apoio do poder público.

SLA é uma associação recém-fundada e gerida por artistas do Acre, sediados em Rio Branco, que primam pelo fazer artístico, nas suas diversas manifestações culturais. A entidade nasceu com o propósito de auxiliar novos autores, músicos, poetas, leitores, sonhadores em suas produções artísticas e tem acreditado na cultura do livro e da leitura como forma de amadurecer e transformar a mente e o coração das pessoas. Um povo sem leitura é como um navio sem leme, ficando à deriva e ao bel prazer da força dos ventos.

Por fim, a equipe SLA manifesta gratidão a todos que prestigiaram os eventos em que nosso convidado esteve protagonizando, tais como: entrevistas nas TVs e Rádios locais, sarau cultural na escola Francisco de Paula Leite Oiticica (bairro Bahia Nova), lançamento de seu livro (Guardados do Coração, ocorrido no Casarão, com presença de amigos, autoridades à paisana e entrega da medalha Destaque SLA de literatura 2018), visitas aos principais pontos turísticos da nossa cidade, contação de histórias, declamações de poesia, encontro com autores, conversa com leitores,  com educadores do Multimeios da Prefeitura de Rio Branco e bate papo descontraído na Biblioteca Pública Estadual.

A cultura/literatura acreana esteve em festa. Os membros da SLA estiveram em festa. Esse período de convivência com o mestre Francisco Gregório Filho, muito acrescentou ao fazer do grupo associativo que passa a acreditar que somos nós que delimitamos o agir do impossível nas nossas vidas. Finaliza-se com a expressão jovial consagrada por nosso convidado:

“- Viva!!!”

Valdeci Duarte, é autor acreano, membro da Sociedade Literária Acreana – SLA e idealizador da visita de Francisco Gregório Filho ao Acre em 2018.