No presídio de Sena, Agentes apreendem celular escondido em par de sandálias

Raio-X detectou a presença dos celulares no interior dos chinelos – Foto: Cedida

De acordo com a direção do presídio, esse trabalho de fiscalização será cada vez mais intensificado

Agentes penitenciários de Sena Madureira conseguiram apreender nesta quinta-feira, 6, mais um aparelho celular nas dependências do presídio Evaristo de Moraes. Dessa vez, o flagrante envolveu um reeducando que retornava de uma licença de sete dias, estipulada pela justiça local.

Na entrada da unidade, os Agentes notaram que ele estava de posse de um par de sandálias e resolveram fazer uma inspeção utilizando o Raio X. Não deu outra – acabaram encontrando o celular escondido dentro do par de sandálias.

Diante disso, o referido reeducando sofrerá sanção disciplinar.

Nesta semana, várias ocorrências nesse sentido estão sendo registradas no presídio de Sena Madureira. Na passagem de terça-feira pra quarta, pelo menos dois detentos foram pegos com celulares no estômago. Eles engoliram os aparelhos na tentativa de driblar a fiscalização.

De acordo com a direção do presídio, esse trabalho de fiscalização será cada vez mais intensificado já que, segundo reza a LEP (Lei de Execuções Penais), é terminantemente proibido o uso de celulares por parte dos reeducandos.

Sena Online