Homem é preso acusado de ordenar execução no Wilson Ribeiro

Alan já tem passagens pelo crime de roubo, furto, tráfico e organização criminosa, além de ser suspeito pelo roubo de televisores de uma loja de eletrodomésticos. – Foto: Regiclay Saady

Dell Pinheiro* – A Polícia Civil prendeu na tarde de quinta-feira, 22, Alan Douglas Araújo, vulgo ‘Drogbar’, acusado de ser o mandante da morte de Abel Moraes de Souza, de 32 anos. O crime aconteceu na última terça-feira, 21, no Conjunto Wilson Ribeiro, região do Calafate. O delegado Cristiano Bastos, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), falou de que forma ocorreu a prisão de Douglas.

“Quando estivemos no bairro conseguimos informações sobre os possíveis autores do crime. Então, a equipe partiu em campo para prendê-los em flagrante. Foram realizadas várias incursões dentro naquela área, em locais dominados por facções criminosas. Drogbar entregou a arma de fogo a um comparsa para que matasse Abel”, salientou Bastos.

O delegado comentou sobre a motivação para o crime. “Segundo as investigações, a vítima seria usuária de drogas e estava enaltecendo o nome de uma facção rival. Então, chegou a ordem para que ele fosse executado. O ‘Drogbar’ seria a liderança de uma facção no bairro. As ordens do grupo vinham dele. Já identificamos os suspeitos do assassinado, são dois que já solicitamos ao Poder judiciário uma medida de prisão preventiva”, ressaltou.

Alan já tem passagens pelo crime de roubo, furto, tráfico e organização criminosa. O acusado tinha um mandado de prisão que foi cumprido pela Delegacia de Combate à Roubos e Extorsões (Dcore), além de ser suspeito pelo roubo de televisores de uma loja de eletrodomésticos.

*dell.81@hotmail.com