Dupla é presa e menor apreendido por envolvimento em latrocínio

Dupla foi presa na Vila Campinas e confessou o crime – Foto: Divulgação/Polícia Civil do Acre

Dois homens foram presos e um menor apreendido suspeitos da morte de Francisco Alves Lima, de 41 anos, assassinado no dia 11 deste mês, no Ramal Santa Maria, BR-364, interior do Acre. As investigações concluíram que Lima foi morto durante um latrocínio. A polícia confirmou também que o filho de 5 anos da vítima foi encontrado ao lado do corpo.

Moradores acionaram a polícia após encontrarem o corpo da vítima caído com várias perfurações de faca e pauladas, além de marcas de espancamento. A casa de Lima foi arrombada pelos criminosos. Horas após o crime, um adolescente se apresentou à polícia e confessou envolvimento no crime. Ele foi ouvido e liberado após depoimento.

Ao G1, o delegado responsável pelo caso, Marcos Cabral, falou que a dupla foi presa na quarta-feira (21) na Vila Campinas, também no interior do estado. Já o menor, o delegado disse que solicitou a internação dele durante a semana.

“Representamos pela prisão preventiva e foi prontamente atendida pelo Poder Judiciário. Tive que liberar o menor [quando se apresentou], porém, não tinha falado com exatidão como aconteceu. Continuamos as investigações, depois ele prestou novo depoimento e representamos pela internação. Apreendemos ele antes [da prisão dos adultos]”, explicou.

Ainda segundo Cabral, os suspeitos confessaram o crime e foram levados para o presídio. O trio fugiu do local com uma espingarda da vítima. O delegado confirmou que o filho de 5 anos da vítima foi encontrado por vizinhos ao lado do corpo.

Foram para assaltar, mas a vítima reagiu e foi assassinada. Eles fugiram com uma espingarda. O vizinho disse que encontrou o filho próximo do corpo do pai.

Portal G1/AC