Documentário do golpe leva o Prêmio do Público no Festival de Berlim

Foto: Divulgação

No momento em que o golpe no Brasil tenta, por meio do ministro Mendonça Filho, censurar disciplinas acadêmicas sobre sobre a farsa do impeachment, o documentário “O processo”, que narra os bastidores da conspiração de políticos corruptos contra a presidente honesta Dilma Rousseff, venceu o grande prêmio do público no Festival de Berlim, um dos maiores do cinema mundial.

A premiação foi anunciada na tarde deste sábado e foi comemorada pela diretora Maria Augusta Ramos. “Quando a gente escolhe um tema pra investigar e fazer um filme, existe um desejo de dividir esse mergulho com o público. E depois, quando o filme fica pronto e recebe um prêmio do júri popular, eu arrisco dizer que talvez seja uma das maiores realizações como diretora. E é muito relevante também pelo filme ser sobre um episódio histórico do Brasil e estar sendo compreendido por audiências de outras latitudes”, disse ela ao jornalista Bruno Ghetti.

Com a vitória do documentário, o golpe liderado por Eduardo Cunha, condenado a mais de 15 anos de prisão, Aécio Neves e Michel Temer, também denunciados por corrupção, sofre mais uma desmoralização internacional.

Brasil 247