Campeão da Sul-Americana 2018, técnico Tiago Nunes conquistou 1º título profissional no Acre

Tiago Nunes com taça do Campeonato Acreano 2010 – Foto: Manoel Façanha/Arquivo pessoal

O técnico Tiago Nunes entrou para a história do Athletico-PR como primeiro treinador a levar o clube a conquista de um título internacional, nesta quarta-feira (12), com a vitória do Furacão nos pênaltis sobre o Junior Barranquilla-COL por 3 a 2, após empate por 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação da grande final da Copa Sul-Americana, na Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Tiago Nunes assumiu o comando da equipe no decorrer da temporada, após a demissão de Fernando Diniz, e além de tirar o clube da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, termina a ano com o segundo troféu mais importante das competições entre clubes do futebol da América do Sul.

Mas quem pensa que a trajetória do treinador está iniciando nesta temporada, se engana. Há quase nove anos, em 2010, Tiago Nunes conquistou o primeiro título da carreira no comando de um clube profissional. Foi com o Rio Branco-AC, que faturou o título do Campeonato Acreano daquele ano.

Na ocasião, ele era auxiliar do treinador Tarcísio Pugliese, que teve compromisso no período da disputa do estadual do Acre daquela temporada e o deixou exercendo a função. Tiago assumiu o desafio e não decepcionou. O Rio Branco-AC conquistou o estadual com 11 vitórias, um empate e uma derrota, 40 gols marcados e 17 sofridos.

O lateral-direito Ley, atualmente com 37 anos, que marcou o gol do Estrelão no segundo gol da decisão, empate por 1 a 1 com o Náuas, lembra como foi trabalhar com o treinador e parabeniza o ex-comandante pela conquista inédita obtida com o Athletico.

– Fico feliz por ele ter conseguido esse título intencionalmente. Uma pessoa que tive a oportunidade de trabalhar em 2010. Um ser humano bom de coração, bom de trabalho, um cara que gosta de ajudar o atleta e o companheiro. E, graças a Deus, tive a felicidade de ser campeão com ele aqui no futebol acreano. Peço a Deus pela vida dele, que realizou esse sonho de um dia chegar num time grande, e mais ainda por ter conseguido um título internacional. Acho que é sonho de todo atleta e treinador e com ele não foi diferente – afirmou.

– Espero que ela seja feliz na carreira, como já está sendo, e conquiste mais títulos, como conseguimos no Rio Branco, que acho foi o primeiro dele no futebol profissional. Só tenho a agradecer a ele, aprendi muito com a pessoa dele. Rezo e agradeço por ele por ter se tornado esse ser humano grande e vitorioso que está sendo hoje – concluiu o ex-camisa 2 do Rio Branco-AC.

Em 2018, Tiago Nunes comandou o Furacão em 38 partidas e obteve 68,5% de aproveitamento. Foram 21 vitórias, nove empates e sete derrotas, 62 gols marcados e 28 sofridos. A campanha do título da Copa Sul-Americana foi de 12 partidas, oito vitórias, dois empates e duas derrotas, 21 gols marcados e sete sofridos.

Rio Branco-AC parabeniza ex-treinador pelo êxito

Nesta quinta-feira, através das redes sociais, o Rio Branco-AC não esqueceu o trabalho feito por Tiago Nunes em 2010 e parabenizou o treinador pela conquista da Copa Sul-Americana com o Athletico. Confira a mensagem:

Com a taça da Copa Sul-Americana garantida o Athletico assegurou vaga na Taça Libertadores da América 2019 e, além disso, vai disputar o título da Recopa Sul-Americana contra o River Plate, atual campeão da Libertadores.

A taça será disputada em dois jogos. O primeiro será na Arena da Baixada, no dia 20 de fevereiro, e o segundo no dia 6 de março, no estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires, capital argentina, com portões fechados por causa da punição sofrida pelos Millonarios em virtude das ocorrências envolvendo a torcida do clube antes da segunda partida da decisão da Libertadores desta temporada, contra o Boca Juniors, que acabou sendo adiada.

Globoesporte.com/ac