Bolso alheio

Foto: Cedida

O senador Gladson Cameli (Progressista), sempre que viaja ao exterior, opta pela primeira classe. A decisão do parlamentar eleito pelo Acre acaba por incorrer em despesas maiores para os contribuintes.

Banzai!

Segundo maior gastador em passagens aéreas e diárias do Senado, atrás apenas do correligionário Ciro Nogueira (PI), Gladson fez, por exemplo, uma viagem em 2015 para Tóquio, no Japão, a fim de participar da Conferência Mundial de Jovens Parlamentares. ‘Torrou’ quase R$ 50 mil só em passagens.

É do povo, senador!

Caso tivesse optado em fazer o mesmo percurso na classe econômica, o progressista teria despendido R$ 4,9 mil no trecho Brasília-Tóquio – ou, somando-se os bilhetes de ida e volta, R$ 9,8 mil no total. Com isso, Gladson teria economizado quase R$ 40 mil do dinheiro público.

Indignação

O leitor, claro, pode estar surpreso – e até indignado – com o valor e as preferências do parlamentar acreano. Mas não foi apenas esse o grande gasto com viagens internacionais feito por Gladson Cameli.

É Flórida!

Em outubro de 2015, ele viajou para a República Tcheca, no leste europeu. Sua passagem, provavelmente, também de primeira classe, custou R$ 57 mil (em valores atualizados). Uma pesquisa rápida nos sites de agências de viagens mostra que uma passagem como essa, ida e volta, não sai por mais que R$ 10 mil.

Levantamento

Em recente pesquisa produzida pelo jornal Gazeta do Povo, de Curitiba/PR, que aponta os gastos dos parlamentares brasileiros com viagens, a viagem de Gladson para a República Tcheca surge como a mais cara registrada entre todos os pesquisados.

Campeão

A matéria menciona o senador acreano como o campeão de viagens ao exterior com o dinheiro público, título que nenhum leitor (ou eleitor) gostaria de ver um parlamentar de seu Estado ostentar.

Lembrete da coluna

E esta Poronga lembra que Gladson Cameli é candidato ao governo do Acre nas próximas eleições.

Negado

O ex-prefeito de Brasiléia Aldemir Lopes teve indeferido o seu pedido de liberdade provisória feita à justiça. A decisão foi publicada na última terça-feira, 20, no Diário da Justiça Eletrônico e divulgada ontem pelo TJ-AC.

Cinco meses

Aldemir Lopes foi preso preventivamente no dia 13 de setembro do ano passado, durante a 4ª fase da Operação Labor, que investiga fraudes em licitações.

Prisões e condução coercitiva

Além de Lopes, considerado uma eminência parda na gestão do ex-prefeito Everaldo Gomes, foram presos também o ex-vereador Marivaldo da Silva e o vereador Joelson dos Santos Pontes. Na época, o ex-vereador Mário Jorge Gomes foi coercitivamente conduzido às dependências da PF.

Peixes graúdos

Na mesma operação foram detidos os ex-prefeitos dos municípios de Brasileia e Plácido de Castro, respectivamente Everaldo Gomes e Roney Firmino. Além deles, foram cumpridos outros sete mandados de prisão, 14 de busca e apreensão e 16 de condução coercitiva.

Quitação

O governo do Acre confirmou ontem, 21, o pagamento da 2ª parcela referente aos plantões extras de dezembro de 2017, e o valor integral do mês de fevereiro, devido aos profissionais da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre).

Tudo em dia

Quase três mil servidores da saúde, entre médicos, enfermeiros e técnicos, recebem os valores que serão pagos na quarta-feira da próxima semana, dia 28, junto com o pagamento do salário do mês de fevereiro.

Crise federal

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, a grave crise causada pela diminuição de repasses do governo federal aos Estados obrigou o governo do Acre a dividir o pagamento dos plantões extras referentes ao mês de dezembro de 2017 em três parcelas.

Esforços

Ainda assim, o governo do Acre tem conseguido saldar as dívidas graças aos esforços e à eficiência de sua gestão, através dos quais consegue manter em dia os salários do funcionalismo público.

Filiação ao PSB

A ex-vereadores da capital Ariane Cadaxo está de volta à vida pública. Ela se filiará ao Partido Socialista Brasileiro (PSB) na próxima sexta-feira, dia 23. O ato de filiação será realizado na sede do partido, em Rio Branco. Em seu mandato pelo PCdoB, Ariane se tornou uma das vereadoras mais atuantes na Câmara Municipal.

Retribuição

Após o término do mandato na Câmara, Ariane morou dois anos em Lisboa, capital de Portugal, onde estudou designer imobiliário. Segundo ela, a decisão de retornar à capital acreana está relacionada à sua intenção de “retribuir de alguma forma” a confiança que as pessoas depositaram em seu trabalho.

Estatuto

Foto: Da Assessoria

Representantes da Ameacre (Associação dos Ministros Evangélicos do Acre) foram recebidos ontem, 21, pelo presidente da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, deputado Ney Amorim (PT).

Apoio às famílias

Amorim e os líderes evangélicos conversaram sobre o projeto de lei que trata da criação, em âmbito estadual, do ‘Estatuto da Família’, um importante mecanismo de apoio para uma vida familiar mais plena de êxito.

Políticas públicas

Segundo o presidente da Aleac, o projeto tem como objetivo principal a criação de políticas públicas voltadas a famílias acreanas, sobretudo no quesito acolhimento.

Respeito e seriedade

“Trata-se de uma importante representatividade das igrejas evangélicas para com o povo, cujas demandas serão tratadas com respeito e muita seriedade”, garantiu Ney Amorim.

Corrente do bem

Participaram do encontro, que ocorreu no gabinete da presidência, o deputado Manoel Moraes (PSB), o vereador Artemio Costa (PSDC) e os pastores Paulo Machado e Reginaldo Silva, além dos apóstolos Ildison e Maikom Santos, todos membros da Ameacre.